21 de fevereiro de 2014

Em Campo de Ourique a espreitar à Estrela

Campo de Ourique é um daqueles bairros de Lisboa que eu sempre ouvia falar, mas não conhecia até ao dia que resolvi lá passar umas horas para tirar umas fotos.

Era o bairro que eu em miúdo ouvia a minha mãe frequentemente dizer que lá ia para comprar tecido. No meu imaginário criou-se a ideia que neste bairro só haviam lojas que vendiam tecido, "porta sim, porta sim". Mais tarde, ainda sem conhecer, comecei a ouvir alguns dos meus amigos dizer que é um bairro único em Lisboa. Que lá se encontram sitios fantásticos para comer, para estar, passear, que seria um bairro à moda antiga de Lisboa, menos bairrista que outros bairros que adoro, mas um sitio especial de conhecer.

Por motivos pessoais, no Sábado passado tive que passar pelo Mercado de Campo de Ourique, e como o tempo, embora a ameaçar chover, estava razoável para andar na rua, resolvi levar a minha amiga Nikon. Não me arrependi. Conheci o bairro, e adorei as poucas horas que lá andei, sem faltar espreitar também as "portas" da freguesia vizinha Estrela.


Aqui ficam uma fotos desse bocado, no Facebook Fotos da Minha Terra, espero que gostem, e se tiverem a oportunidade não deixem de visitar este bairro, muito típico, calmo, cheio de gente simpática que se deixa ficar na rua no mais puro do convivio de uma tarde de Sábado, passem pelo Mercado, pela lindissima Igreja, pelos seus Jardins, e deixem-se misturar na rua com os seus moradores. Vão adorar, tenho a certeza.

Como sempre, comentem, bem ou mal, mas comentem!

Abreijos!

Sem comentários: